Fique sabendo...

27/02/2013
Unicamp desenvolve tecnologia forense para desvendar crimes
Postado por Ana Laranjeira      
Fonte: Folha de São Paulo



A Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) pretende instalar até o fim de 2014 um laboratório forense para desenvolver e aprimorar tecnologias usadas por peritos para desvendar extorsões, mortes e crimes cibernéticos.

De acordo com o professor Anderson Rocha, do Instituto de Computação (IC), os órgãos responsáveis pelas pesquisas, hoje, possuem tecnologia de ponta, mas não têm tempo para desenvolver novas soluções que prevejam a criatividade criminosa, justamente o plano para agora.

O projeto foi batizado de Laboratório Multidisciplinar de Pesquisas Forenses (LPMF) e irá contar com a participação do Instituto de Computação, Química, Biologia e da Faculdade Engenharia Elétrica e de Computação. Os principais objetivos, ao unir as forças, é ampliar a atuação e entregar resultados forenses para todos os tipos de casos e formar novos especialistas.

Segue...

8 de fevereiro de 2013
DEGRAVAÇÃO OBRIGATÓRIA


Transcrição de grampo deve ser integral, decide STF
O Supremo Tribunal Federal confirmou, por maioria de votos, a decisão do ministro Marco Aurélio que garantiu ao deputado federal Sebastião Bala Rocha (PDT-AP) o direito à transcrição integral das interceptações telefônicas feitas no âmbito da Ação Penal 508, a que responde pela suposta prática de crimes de corrupção e formação de quadrilha.

O processo tem origem na investigação de obras de construção e reforma do Hospital Especialidades, em Macapá (AP), e do Terminal Rodoviário de Laranjal do Jari (AP). O MPF questionou a decisão que determinou a transcrição integral.

Segundo Marco Aurélio, a formalidade é essencial à validação da interceptação telefônica como prova. A Lei 9.296/1996, que regulamenta a interceptação telefônica, determina que sempre que houver a gravação da comunicação, será determinada sua transcrição.

 

Segue...

© 2023 by Voda Tech

  • s-twitter
  • s-facebook